Janeiro de 1994 - 30 anos do Corsa no Brasil - Blog
ADD ANYTHING HERE OR JUST REMOVE IT…

Blog

Notícias

Janeiro de 1994 – 30 anos do Corsa no Brasil

O que você lembra de 1994? Com certeza, foi um ano marcante para o Brasil, afinal foi quando a seleção conquistou o 4º título da Copa do Mundo e o piloto Ayrton Senna morreu ao sofrer um acidente na pista. Além disso, esse também foi o ano de implantação do Plano Real. Um outro grande acontecimento em 1994 foi o lançamento do Chevrolet Corsa no mercado brasileiro. Assim, já são 30 anos desse modelo que conquistou corações e marcou época.

O começo de tudo

No dia 10 de janeiro de 1994, o Chevrolet Corsa foi lançado no Brasil. Fabricado em São Caetano do Sul, no estado de São Paulo, o modelo tinha a missão de substituir o Chevette, fenômeno de vendas que ficou no mercado durante 21 anos, entre 1973 e 1994. Inicialmente, o Corsa só era vendido na versão Wind com as seguintes especificações: motor 1.0 a gasolina, 50 cavalos (cv) de potência e câmbio manual de cinco marchas. A carroceria era apenas a hatchback de três portas (contando com o porta-malas).

Principais versões do Corsa

Ao longo de sua existência no Brasil, foram lançadas muitas versões do Corsa. Confira a seguir as principais:

Corsa 1ª Geração 

Hatch (1994-2002)

Sedan (1996-2003)
Observação: depois o modelo continuou mudando o nome para Classic

Station Wagon ou Perua (1997-2001)

Pick-up (1995-2003)

Corsa 2ª Geração

Hatch (2002-2012)

Sedan (2002-2012)

Pick-up Montana (2003-2011)

Recall marcante 

Em 2000, o Corsa passou por um dos maiores recalls da história, com 1,3 milhão de carros convocados, o que incluía hatches, sedans, picapes e peruas. Mas qual era o problema? Todos os modelos da linha Corsa fabricados entre 1994 e 1999 apresentavam um defeito nos cintos de segurança dianteiros, o que poderia causar o rompimento do cinto no caso de algum acidente. Só para se ter uma ideia da gravidade da situação, a imprensa divulgou na época que 25 acidentes, com duas mortes, estavam relacionados com este problema do cinto.

Você sabia?

Desde que a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) começou a computar os emplacamentos em 2003, o Corsa nunca chegou a ser líder de vendas. Mesmo assim, o modelo sempre se saiu muito bem nesse requisito. O seu auge de vendas foi justamente em 2003, conquistando o 9º lugar no ranking geral com 34.430 emplacamentos. Vale destacar que na época do Corsa havia outros automóveis com muita força no mercado, como o Gol, da Volkswagen; e outros dois queridinhos, o Palio e o Uno, ambos da Fiat.

O fim de uma jornada memorável

O capítulo final do Corsa foi em 25 de julho de 2012, quando a Chevrolet encerrou a produção do veículo na cidade de São José dos Campos, interior de São Paulo. Assim, foram 18 anos de fabricação no cenário brasileiro! Mais tarde no ano de 2012, a marca lançou o Onix como sucessor do Corsa.

Portanto, ao celebrar os 30 anos Corsa no Brasil, fica claro o impacto que esse modelo teve nas estradas e nos corações dos brasileiros. Mas e você? Qual a sua história com o Corsa? E qual versão do carro você considera a mais bonita? Conta pra gente nos comentários aqui embaixo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

[html_block id="258"]
Definir o menu de categorias em Definições de Tema -> Cabeçalho -> Menu -> Móvel menu (categorias)
Crie seu primeiro menu de navegação aqui
Comece a digitar para ver as postagens que você está procurando.
Loja
Lateral

2022 Associação Múltipla de Proteção Automotiva. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: