Pilotando com maior proteção: 7 dicas para andar de moto na chuva

Quem anda de moto sabe que dias chuvosos representam um desafio a mais no trânsito, pois é preciso ter atenção redobrada e tomar algumas precauções na direção para evitar acidentes.

Como uma pista molhada aumenta o risco de derrapagens e também pode esconder obstáculos, é fundamental que os motociclistas tomem certos cuidados extras a fim de diminuir os riscos de quedas. Além disso, em dias chuvosos a visibilidade costuma ficar prejudicada, tanto para motociclistas como para os motoristas.

Confira abaixo 7 dicas importantes para pilotar sua moto com segurança e proteção em dias de chuva.

  1. Utilize os equipamentos apropriados

Em dias de chuva, não esqueça de utilizar capas de chuva e luvas para manter-se seco, aquecido e com a atenção voltada apenas para a direção. As capas de chuva com faixas reflexivas também podem ajudar em situação de pouca visibilidade.

  1. Mantenha a distância

Especialmente em dias chuvosos, pratique a direção defensiva e mantenha a distância dos veículos a sua frente para uma frenagem segura. Se estiver muito próximo e precisar frear, as chances de perder o controle da moto são bem maiores por conta do piso molhado.

  1. Procure andar pelas faixas centrais

Quando há chuva forte na pista, a água tende a escorrer para as laterais, levando sujeiras e detritos. Por isso as faixas centrais  costumam ser mais limpas e com menos água, de modo que o risco de derrapagens é menor.

  1. Fuja de poças e enchentes

Se possível evite passar em cima de poças d’água, pois elas pode estar escondendo um buraco. Evite  também passar por áreas alagadas pela enchente, pois além de buracos e lixo há o risco da água entrar no motor e causar uma pane no meio do alagamento.

  1. Pilote com mais cautela

Evite freadas muito bruscas, que podem fazer com que o pneu perca aderência com o solo e derrape. Além disso, o carro que vem atrás também pode ter dificuldades para frear e causar um acidente.

Outra dica bem importante é evitar inclinar demais a moto em curvas fechadas ou em alta velocidade. Quando a moto fica muito inclinada, a lateral do pneu pode encostar no solo ao invés da banda de rodagem. Como a lateral costuma ser mais lisa, a moto consequentemente fica mais propensa a perder aderência e derrapar.

  1. Verifique os pneus

Fique atento às condições dos pneus, pois quando eles estao descalibrados ou carecas podem perdem eficiência e danificam com mais facilidade. Na chuva, é preciso que os sulcos do pneu ajam de maneira correta para evitar a aquaplanagem.

É importante fazer a manutenção preventiva da moto e calibrar os pneus toda semana, especialmente em épocas mais chuvosas.

  1. Fique atento ao tipo de piso

Fique atento em pisos de concreto, como estacionamentos de shoppings e postos de gasolina, pois eles costumam ser mais lisos e, quando molhados, facilitam a perda de aderência dos pneus da moto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *